segunda-feira, 14 de março de 2011

Corrupção das empresas de radares ?



Considerações : É meu caro leitor, aqui quem comenta é o autor deste BLOG e um agente de trânsito, com 10 anos de luta nas ruas , alguém que ama a profissão e se orgulha de dizer de boca cheia que nunca viu, nem ouviu falar que um colega de profissão de sua área tenha pedido 1 centavo pra se beneficiar de qualquer coisa, pasme, falo com a mais pura verdade, talvez os senhores tenham visto ou possam relatar algum caso ou outro mas eu me orgulho dos meus colegas, dos grupos que estive presente até hoje. Muito bem, mas a questão não esta em dizer o que é de nossa obrigação e sim o de dizer que nós agentes de trânsito estamos em um patamar que não tem acesso a esse tipo de informação que o vídeo demonstra e prova, não ficamos sabendo de porcaria nenhuma dessas, somos cidadãos de bem como vocês que estão sendo vitimas dessa pouca vergonha que nos atinge diretamente, colocamos nossas vidas em risco nas ruas por ideal e nunca por ganho de míseros centavos, colocamos nossas vidas em risco pra beneficiar o nosso povo, o nosso bem estar como pessoas, fazemos as autuações para que se estabeleça ordem , respeito e seja exercida a cidadania por parte de nosso povo, mas aí , eu vejo um nojo desses e me pergunto, o que eu estou fazendo nas ruas ? o que eu fiz em 10 anos ? porque inalei milhões de partículas poluidoras que irão me causar com certeza alguma sequela no futuro ? porque talvez eu tenha autuado uma infinidade de assassinos ao volante a troco de nada ? pois como se vê no vídeo, tem como se tirar o lixo da multa do cara, sabe, é vergonhoso demais pra um grupo pequeno de agentes que se dedica como louco na cidade ver isso debaixo de nossos narizes, é por estas e outras que somos xingados , humilhados , agredidos e passamos vergonha nas ruas , não pelo que somos e fazemos e sim pela máquina podre , corrupta e nojenta que nos cerca em alguns locais, sabe da vontade de sumir desse país, largar uma profissão que se ama , porque vendo isto se perde o ideal, se perde o porque de lutar por algo aparentemente utópico. É isso !


Esta imagem e texto é inelegível para ser protegida por direitos autorais (Copyrights), e, por conta disso, está em domínio público, já que possui apenas informações de propriedade comum, sem autoria delimitável.

Autor : Alexandre Trindade (Texto de dominio público , obrigatória divulgação de seu autor sem alterações em seu conteúdo)


10 comentários


Luana disse...
Infelizmente para mim não foi surpresa alguma, uma vez trabalhando na área há alguns anos. Não digo por nós, agentes de trânsito que dia-a-dia estamos nas ruas, mas sim pela máquina corrupta e nojenta que nos cerca. É aquela coisa da laranja podre no meio das boas... acaba contaminando e sujando a imagem daqueles que são honestos e ganham com o suor (realmente suado) do trabalho que não é fácil. Pois é... essa sem-vergonhice é a realidade do nosso país, que tem sempre um que dá um jeitinho para "resolver" as coisas a fim de se beneficiar.
Willian Cruz disse...
O ruim é ver os caras falando que isso é "indústria das multas". Ora, estando ou não o radar no melhor lugar que poderia estar, só é multado quem incorre em infração! Claro que há muita coisa errada nessa história toda e isso fica bem claro na reportagem, mas perceba que há a preocupação com a possibilidade de cancelar multas de radares que foram colocados de maneira irregular. Como sempre, todo mundo quer escapar das multas, mas não quer parar de cometer a infração. Não há indústria de multas. Há indústria de infrações.
moraes disse...
Hoje 70% das autuações na Cidade são de radares eletrônicos. Infelizmente toda vez que administradores e políticos estão envolvidos em esquemas como estes, a imagem dos agentes fiscalizadores fica abalada e não somos poupados pois fica a imagem ruim de quem aplica a autuação ou quem é visto autuando. Como podem ver, nós da Cet Sp realizamos 30% do total das autuações e o pior é que a tendência é a fiscalização eletrônica aumentar.
Sueli Leal disse...
Alê, ainda bem que nesse lamaçal, de impunidades, numa terra sem regras, onde a excessão virou regra e em nome da lei se rouba, se prostitue e se vende, ´´simples caça-niqueis``, ´´lombadas eletronicas``, etc, existem pessoas de caráter como vc e seus amigos de trabalho, que não vivem das propinas e do suborno, mas que fazem a diferença no dia a dia de trabalho, com suas condutas éticas e visão futurista..Não se deixe abater, pois o tsunami moral também pode varrer da sociedade, pessoas como aquelas, que sem dó,nem piedade, destroem a imagem de nosso país...Mas saiba, que o que é deles já está reservado....Bjos Sú
malicia disse...
.......INDUSTRIA DE INFRAÇÕES.....
Kátia disse...
Não há indústria sem matéria prima, certo?
Anônimo disse...
Ainda não sei o motivo de tanto espanto, pois em uma empresa politica o que impera e á corrupção. o quebra das multas e apenas uma pequena partes, pois, hoje a CET mais parece um batalhão de PM, cheio de coreneis da reserva e outros amigos com altos salários. aumentando a folha de pagto e mais de 200%. enquanto isto a CET esta acabando aos pouco.
Sandro Aparecido disse...
Alexandre, mais uma vez, parabéns! Não sei o que me dói mais, a materia na íntegra ou, o nome de Deus rodando na boca de tantos vagabundos sem caráter. Pela matéria podemos ver de dois ângulos como a nossa sociedade brasileira é podre e nojenta. De um lado percebemos o quanto nossos eleitos e empresários fazem para enriquecer ilicitamente e do outro aqueles que defendem a existência de uma indústria que não existe pelo simples fato de não quererem seguir as regras de trânsito. Alguns dias após o início do meu blog "Transito Tolerância 0", converando com um motorista que trabalha na mesma empresa que eu, por causa dos tremores ocorridos no Japão e o posterior Tsunami, este mesmo colega comentou estar preocupado com o filho que, por coincidência, está trabalhando na AUSTRÁLIA",País este que utilizei como exemplo no início dos tópicos. Infelizmente hoje em uma conversa a respeito de trânsito e transporte público, este mesmo colega estava me contando o que o filho dele contou a respeito destes naquele País. Mas o que mais me deixou surpreso foi ouvir o comentário que o filho dele fez: "Como este País (Austrália) é diferente do nosso. Como o povo brasileiro é F.D.P. Tenho vergonha de dizer aqui na Austrália que sou BRASILEIRO. Os comentários eram referentes a organização, respeito ao próximo e cumprimento das leis. Vergonhoso e revoltante ouvir isto, palavras saídas da boca de um jovem brasileiro trabalhando e buscando oportunidades no exterior. O Brasil não precisa de terremotos nem Tsunames.Quem aqui habita consegue fazer um estrago muito maior.
Ronaldo disse...
É isso aí meu caro colega, infelizmente este tipo de conduta nos envergonham, um bando de corruptos que não estão preocupados em colocar radares em locais adequados para evitar acidentes e sim estão preocupados em quanto vão levar para dentro de seu bolso. Como diz Boris Casoy "Isto é uma vergonha".
Carlos disse...
a corrupção vista nesta materia, é apenas um pouco de tudo que se rouba neste pais, já imaginou se durante um ano esses FDP, deixassem de roubar o quanto de verbas nos teriamos para ser usada de verdade naquilo que o brasileiro mais precisa, o brasil tem dinheiro para todas as suas necessidadaes, só que ele esta no bolso dos vagabundos travestidos de empresários e servidores.


Para novos comentários clicar onde le-se comentários.

Compartilhe este post na sua rede social clicando abaixo:

3 comentários:

  1. Dr. Traffic Calming21 de março de 2011 11:04

    Diga SIM à CPI da CET
    No final de fevereiro o Vereador SP Adilson Amadeu protocolou pedido de CPI da CET p/ apurar exatamente o que a empresa mista CET vem fazendo, vai fazer para melhorar o tráfego em nossa cidade e como está sendo aplicado o dinheiro arrecadado com as multas de trânsito. Agora o Vereador lançou via internet um abaixo-assinado eletrônico através do qual todos que se sintam prejudicados pela companhia possam apoiar a criação dessa comissão de investigação. Para isso basta acessar http://migre.me/439wG ou buscar na internet: CPI da CET.

    ResponderExcluir
  2. "O excesso de decretos e de interditos prejudica a autoridade da Lei; onde existem poucas proibições, estas são obedecidas. Mas onde a cada passo se tropeça em coisas proibidas sente-se rapidamente a tentação de se infringir." Sigmund Freud

    Acabar com a industria da multa é facil, basta boicotar o fornecimento de matéria-prima.

    ResponderExcluir
  3. A VERDADE NESTA QUESTÃO TODA SOBRE RADARES, E AGENTES DE TRÂNSITO, ETC..... SE VC FOR CIDADÃO QUE RESPEITA AS LEIS DE TRÂNSITO E PRINCIPALMENTE SER CONSCIENTE QUE O DESRESPEITO NÃO SOMEMTE NA ÁREA DE TRANSITO, SEJA EM QUALQUER ÁREA, VC ESTARÁ SUJEITO A UM TIPO DE PUNIÇÃO, NA ÁREA DE TRÂNSITO É CLARO VEM A MULTA!!!!!

    ResponderExcluir

Por gentileza seu comentário é muito importante para se aprimorar o conteúdo da matéria e do blog, não deixe de faze-lo, obrigado pela visita.Me desculpe se minha visão é diferente da sua, mas com certeza se aqui estamos, contribuímos com o nosso país e com o nosso mundo. Obrigado!