sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Muita coisa mudou nestes 4 anos.


Olá pessoal, apos um longo período de prudente pausa em meu blog, aqui estou de volta. Pois é, tentarei mais uma vez chamar a atenção das autoridades e dos cidadães de São Paulo sobre os problemas que fazem parte de nosso dia a dia.

Após a gestão de Fernando Haddad e de seu Super secretário de transportes Gilmar Tatto, muitas coisas aconteceram nessa cidade em vários aspectos. Esse foi o motivo pelo qual abandonei meu blog, o motivo foi o descontentamento com o método, com a forma, com o estabelecimento das prioridades não prioritárias e com a falta de cuidado com os impactos, que tais medidas acarretariam na vida de cada um de nós e na própria sobrevivência da cidade esta como um ser dependente de todos os modais. Não foi assim que aconteceu, quase nada foi respeitado como se deveria. Não vivemos em uma cidade que possibilite tomar decisões impensadas, predatórias, degradantes, levianas e precipitadas quanto a visão macro do todo.

Em virtude das coisas não terem ocorrido como eu pensava e gostaria, me calei, me vi obrigado a abandonar meu trabalho por aqui, afim de me poupar e de evitar represálias daqueles que não estavam dispostos a pensar ou dialogar com alguém que tem uma visão de respeito e de responsabilidade para com todos os paulistas e não só para com aqueles que falaram mais alto e em sendo assim, foram os únicos a serem ouvidos e atendidos por longos 4 anos.

 Peço desculpas pela minha ausência a aqueles que me acompanhavam até o fim de 2012, nestes 4 anos, de forma mais contundente e não presente como tinha de ser, mas não dava. Me comprometo a me dedicar por aqui muito mais de janeiro de 2017 em diante, conforme meu tempo vago após o trabalho e voltar a mante-los a par de minhas visões, daquilo que detectar dia após dia e tentar fazer essa cidade não parar.

O engraçado é que ela não parou devido ao trânsito e sim devido a crise, em parte causada pelos poderes maiores vindos de Brasilia e também devido ao sangramento promovido por aqueles que não tiveram o cuidado necessário com o que poderia ser feito, da forma como deveria ser feita, sem se penalizar a cidade de São Paulo como um todo e o estrago foi grande, muito dinheiro se gastou e poucos resultados efetivos e convincentes foram percebidos pela população, haja vista a derrota nas urnas, ao que parece a quantidade de veneno foi muito maior do que a quantidade de remédio.

Nos falamos a partir do dia 1º de janeiro.

Os aguardo por aqui.

Compartilhe este post na sua rede social clicando abaixo: